5 dicas para montar uma franquia de sucesso

Entrar no mercado como dono do seu próprio negócio é uma atitude desafiadora que gera custos e requer conhecimentos que nem todos possuem. Por isso, é necessário buscar alternativas para esses obstáculos, como montar uma franquia.

Neste artigo, vamos falar sobre o mercado de franquias, em especial sobre as que prestam serviços de agenciamento de funcionários. Você vai entender quais são os benefícios desse tipo de negócio e como fazer para abrir uma unidade e obter sucesso. Confira!

1. Veja quais critérios devem ser avaliados ao escolher uma franquia

O primeiro passo para se tornar um franqueado é escolher a franquia que mais se encaixa no seu perfil. Por isso, vamos mostrar alguns critérios que ajudarão nessa fase.

Perenidade do segmento

Muitos negócios são apenas modismos e não sobrevivem por muito tempo. Portanto, é preciso avaliar a capacidade de manutenção e a sazonalidade dos serviços ou produtos que a franquia oferece.

Proposta e diferencial

Entenda qual é a proposta da franqueadora para os seus clientes. É importante que ela ofereça algum diferencial para se manter competitiva frente a concorrência.

Rentabilidade

A rentabilidade do negócio é um indicador muito importante. Ela determinará em quanto tempo se dará o retorno do valor investido e a remuneração que o franqueado terá pelo seu trabalho.

Credibilidade

A credibilidade da franqueadora no mercado é fundamental para dar mais segurança à sua escolha. Adicionalmente, é interessante buscar informações sobre competência/experiência do dirigente responsável pelo seu sucesso.

Afinidade com o segmento

Ainda que a franqueadora entregue muito conhecimento sobre o negócio, é preciso que o franqueado tenha afinidade com o segmento para que a parceria gere bons frutos.

Satisfação dos franqueados

O nível de satisfação dos franqueados ajuda a entender melhor como será a sua relação com a franqueadora. Então, é importante saber se eles estão satisfeitos.

2. Entenda como é o mercado de franquias no segmento de agenciamento de serviços de limpeza

O mercado de limpeza é extremamente amplo e formado por grandes empresas. O foco de atuação delas é basicamente:

  • escolas;
  • hospitais;
  • instituições financeiras;
  • indústrias;
  • shoppings centers;
  • empresas e repartições públicas;
  • grandes empresas.

Ou seja, apenas pessoas jurídicas com grande volume de demanda pelos serviços de limpeza e conservação predial. Porém, existe uma grande lacuna que não era atendida até 2011, que são as residências e as empresas de porte menor.

Pessoas comuns, como donas de casa e pequenos empresários, também precisam da contratação desses serviços e até de outros relacionados. Em grande parte, eles são contratados de forma direta, gerando dois cenários: informalidade ou altos custos com encargos trabalhistas.

Pensando nesse segmento, a Mary Help surgiu como uma alternativa para resolver os problemas gerados por esses dois cenários apresentados. Oferecemos o agenciamento de profissionais do setor para esse público de que têm uma demanda constante, porém em menor volume.

Além do pioneirismo, chegamos a atuar sozinhos no mercado por quase dois anos. Em 2013, foi promulgada Emenda Constitucional 72/2013, que ficou conhecida como PEC das domésticas. Com ela, a contratação do serviço doméstico se tornou inviável para muitas famílias, o que abriu uma brecha para a entrada de empresas concorrentes.

Entretanto, a maior parte das contratações de serviços de diaristas, faxineiras, porteiros, motoristas, garçons, cuidadores de idosos, babás, entre outros, é feita diretamente entre o contratante e o profissional. Isso mostra que ainda existe muito espaço no mercado para a atuação de novas unidades.

3. Saiba como montar uma franquia de agenciamento de profissionais

Para abrir uma unidade da franquia, você precisa se atentar a alguns pontos importantes. Em primeiro lugar, avalie todos os critérios que mencionamos no início deste artigo. Em seguida, prepare-se financeiramente para garantir a operação até que passe o período de recuperação do investimento.

Na prática, será necessário encontrar um local para instalar a sede administrativa. Esse local precisa comportar, também, a ministração de cursos e treinamentos. Além disso, é preciso investir em alguns equipamentos e mobiliário para escritório, além da contratação de mão de obra.

No modelo de negócio como o da Mary Help, não é preciso investir em equipamentos e produtos para a execução dos serviços. Essa parte fica a cargo do profissional que será agenciado ou do cliente, conforme cada caso. Com isso, o investimento para o franqueado fica ainda menor.

4. Confira quais são os benefícios das franquias deste segmento

Conforme dito anteriormente, a PEC das domésticas ajudou o segmento a ganhar força e ainda mais clientes. Afinal, famílias de poder aquisitivo mais baixo e empresas menores não têm como arcar com os custos de um profissional dessa natureza em período integral. Fator que cria a principal lacuna que nossa franquia preenche.

Muitas dessas pessoas buscaram alternativas com a contratação de diaristas por períodos menores, para fugir das obrigações legais. Porém, elas têm esbarrado em dois problemas principais:

  • encontrar profissionais, visto que a facilidade de profissionalização e crescimento em outras áreas têm diminuído o interesse por essas profissões;
  • ter confiança de que estão contratando profissionais sérios, honestos e capacitados para os serviços.

Observando esses problemas, fica evidente o grande potencial de obter clientes de forma crescente e recorrente. Afinal, ao agenciar os prestadores desses serviços, o cliente fica livre do peso das obrigações legais, ao mesmo tempo em que pode contar com a confiança de uma empresa séria e com boa reputação no mercado.

Além disso, por meio das recentes mudanças na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), os encargos trabalhistas para o franqueado incidem apenas sobre os serviços efetivamente agenciados.

Do ponto de vista dos profissionais, a franquia ajuda na capacitação e na intermediação dos contatos. Com isso, eles têm mais chances de encontrar trabalho, além de poder se especializar mais, aumentando seu valor de mercado. Ou seja, a franquia gera excelentes benefícios para todas as partes envolvidas.

5. Fique por dentro da MaryHelp

Criada em julho de 2011, a Mary Help surgiu da necessidade de atender à lacuna existente no mercado referente ao agenciamento de serviços de limpeza e conservação de empresas e de residências. Quando comparado com alternativas de investimentos, é uma excelente proposta com boa rentabilidade.

O investimento inicial oscila entre R$50 mil a R$ 60 mil e, em pouco tempo, é possível garantir rentabilidade líquida de até R$ 30 mil. Com isso, o valor investido é retornado, em média, em 12 a 14 meses. Inclusive, ocorreu mais de um caso em que o retorno se deu em apenas oito meses de operação.

Além do agenciamento dos profissionais, também atuamos dentro do segmento de recursos humanos, oferecendo os seguintes serviços:

  • realização de processos seletivos para a contratação de profissionais para residências e empresas;
  • terceirização de mão de obra.

A nossa proposta é ideal para quem está buscando uma forma de investir seu dinheiro em um negócio rentável, com baixo investimento e que tenha excelentes perspectivas de crescimento no mercado.

Agora que você já sabe como montar uma franquia da Mary Help, que tal entrar em contato conosco e agendar uma conversa? Essa pode ser a oportunidade de negócio que você estava esperando, aproveite!